• (41) 3257-0057
  • 41 99808-9957
  • Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

As atividades físicas são fundamentais para a manutenção da funcionalidade do idoso. Os exercícios físicos são uma das melhores estratégias para frear as perdas decorrentes do processo de envelhecimento. Estas idéias estão absolutamente consolidadas no universo da ciência que estuda o velho e o envelhecer.

Mas novas descobertas enfatizam a importância das atividades físicas não apenas para a saúde física, mas também para a saúde mental.

Em recente estudo realizado pelo Centro Alemão de Estudos das Doenças Neurodegenerativas, foi demonstrado que a dança tem um forte potencial para induzir efeitos mais positivos no volume cerebral em pessoas idosas.

Este fato já havia sido descoberto em pesquisas anteriores focadas em outros tipos de exercícios aeróbios como corrida, caminhada, ciclismo ou em exercícios anaeróbicos como treinamento de força e flexibilidade.

O Estudo conduzido pela neurocientista Kathrin Rehfeld comparou um programa de dança realizado durante seis meses a estes programas de condicionamento físico padrão.

O programa proposto na pesquisa não exigia requisitos especiais, contudo incluía uma necessidade de aprendizado constante, com novos passos e coreografias, todos planejados para apresentar baixo risco de acidentes.

Os resultados apontaram que os praticantes de dança alcançaram um aumento de até seis vezes no volume nas regiões que se relacionam com processos cognitivos superiores, como memória de trabalho e atenção, que são especialmente afetados pelo declínio relacionado à idade.

Na opinião, da cientista os resultados mais pronunciados da dança sobre o cérebro humano podem ser explicados pelo fato da dança atuar sobre vários processos ao mesmo tempo, ao dançar são estimulados, por exemplo: orientação espacial, a coordenação, o equilíbrio, a resistência, interação e comunicação entre outros.

A dança, portanto, pode ser encarada, como uma atividade apropriada, divertida e barata, para combater por um lado, as perdas físicas, e por outro, aos declínios da estrutura cerebral, associados à idade.

Acesse nosso site e conheça os novos programas de atividades da Mayoredad.


Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

A CLÍNICA MAYOREDAD COMUNICA QUE ADOTOU UMA SÉRIE DE PROCEDIMENTOS PARA QUE OS ATENDIMENTOS SEJAM REALIZADOS DE ACORDO COM AS NORMAS DE SEGURANÇA RECOMENDADAS PELAS AUTORIDADES SANITÁRIAS.


© 2021 Mayoredad. Todos os direitos reservados.